quarta-feira, 24 de agosto de 2016

AFASTAMENTO DO PREFEITO DE PIO XII, PAULO VELOSO, PROVOCA EFEITO 'CONTRÁRIO'. NINGUÉM ENTENDE, VIU!

Paulo Veloso, prefeito de Pio XII, afastado, mas tentando voltar ao cargo. 

AFASTAMENTO DO PREFEITO DE PIO XII E O ‘EFEITO’ ELEITORAL DO CASO.

Quando a Justiça de Pio XII afastou o prefeito Paulo Veloso e mais quatro servidores – por supostas irregularidades, na Folha de Pagamento da Administração, imaginou-se que o efeito seria um daqueles desastres ruins que vêm em período eleitoral, contra determinado candidato.

Pois não é que o resultado está mesmo se revelando um desastre... mas para a oposição, acredite!

Paulo Veloso, claro, quer voltar ao cargo e até já tentou fazê-lo. Mas a situação dele, ao que parece, é daquelas em que o ‘tiro saiu pela culatra’ – cujas consequências a oposição tem que suportar, na mesma proporção do personagem principal, ou seja, o prefeito.

A ação contra o prefeito Paulo Veloso, foi movida pelo Ministério Público Estadual, mas muitos eleitores teimam em creditar o fato ao grupo da oposição que, por isso, já vê o caso como um verdadeiro ‘pobrema’ – ao menos do ponto de vista eleitoral.

Ninguém entende esse tipo de ‘efeito’, viu!


Paulo Veloso, que é candidato à reeleição, antes do afastamento, 'estava na frente', com ‘certa folga’. Agora é esperar se o fato vai ser determinante no processo eleitoral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário