terça-feira, 11 de abril de 2017

SARNEY VAI "PEDIR MÚSICA NO FANTÁSTICO"...

Sarney: acima do 'teto'.
SARNEY VAI “PEDIR MÚSICA NO FANTÁSTICO”....
Você, talvez, não saiba, mas Sarney, se quisesse, já poderia “pedir música no Fantástico”, mas por conta de uma ‘modalidade’ só acessível a alguns felizardos: acumular aposentadorias, indo a um monte que chega a R$ 73 mil.... a cada 30 dias. Isso quer dizer que José Sarney, ex-governador de nosso querido Maranhão, ganha, ou melhor, acumula aposentadoria de três setores, isto é, de três Poderes – o Executivo (ex-governador), do Legislativo (ex-senador) e do Judiciário (ex-analista).
Por essa ‘razão’, o ex-presidente recebe dinheiro que nem sabe onde bota: essa dinheirama dividida por 30, dá uma média de R$ 2.400 por dia. Traduzindo: o dinheiro de um dia, recebido por Sarney, é suficiente para pagar mais de 2 trabalhadores normais, durante todo um mês.
Por essa proeza, Sarney foi condenado pela 21ª. Vara Federal de Brasília a devolver a soma que passa do Teto Constitucional, mês a mês, de cinco anos pra cá, a partir da hora que a ação foi ajuizada, em 2009 – o que pode chegar ao patamar de R$ 4 milhões, apesar de caber recurso. A decisão é da juíza Cristiane Pederzolli, que garantiu que Sarney, há muito tempo está acima do ‘Teto’.
Mas a defesa do “Dono do Mar”, disse que Sarney não está ganhando em desacordo, como determina a Constituição Federal, já que tem três aposentadorias, mas cada uma pertence a um só Poder, portanto, não há nada de inconstitucional. Pois é..... de acordo a CF, o Teto dos proventos na Administração Pública é de R$ 33,7 mil, mas Sarney, pelo visto, está ‘renitente’ e não cede nem um milímetro.
Enquanto isso, prepare-se contribuinte! O Brasil que temos é esse mesmo!
Ainda bem que a República não tem um quarto poder!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário