quarta-feira, 10 de maio de 2017

O PLENÁRIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE PAULO RAMOS VAI FICAR 'PEQUENO', NA PRÓXIMA SESSÃO!

Deusimar Serra: propaganda enganosa? O Procon vem aí!

HÁ QUEM DIGA QUE O ESPAÇO DO PLENÁRIO DA CÂMARA MUNICIPAL, NA PRÓXIMA SESSÃO, FICARÁ ‘PEQUENO’....

Quem diria! Não faz tempo, o comunista Deusimar Serra, foi à Câmara Municipal, como Prefeito de Paulo Ramos.... ali, foi bastante aguardado.... e também ‘aplaudido’, por uma penca de gente levada a tiracolo. Tinha gente garantindo, naquela oportunidade, que não chegaria dezembro para toda aquela euforia passar. Ainda estamos a 50 dias do meio do ano, e a boa ‘recepção’ ao mandatário virou decepção escancarada. Hoje, a Administração de Deusimar Serra começa humilhando, primeiramente, as pessoas que, no início do ano, estavam na Câmara Municipal, batendo ‘palmas’, para elogiar os planos do ‘novo gestor’. Naquela ocasião, com uma arrogância ímpar, própria de seu estilo, Deusimar Serra ‘pintou e bordou’... Teve eleitor quase dando agonia de tanta emoção. Ainda bem que ninguém desmaiou....

A realidade desta terça-feira, mostra que o Paulorramense, na verdade, vê-se diante de um estelionato de proporções inimagináveis, já que, agora é que o ‘filme’ começou a ‘rodar’. Tudo indica que é um ‘longa-metragem’, daqueles que duram uma eternidade, deixando o telespectador com fadiga e bastante impaciente.

Na próxima Sessão da Câmara Municipal – na sexta ou na quinta, o assunto da vez serão as demissões em massa, envolvendo pessoas que foram contratadas e que, sequer, tiveram a chance de receber seus vencimentos, como contraprestação legítima pelo serviço dado, em prol da Prefeitura.

A Câmara Municipal, com certeza, vai repercutir a notícia da bagunça que o Prefeito Deusimar Serra imprimiu em sua Gestão, especialmente na área da Educação – uma das duas mais importantes de qualquer Governo, cujo ponto culminante tem o dia de ontem – terça-feira, como testemunha ocular de fatos que maculam a Gestão Pública.

É bem provável que a base de apoio ao Governo Deusimar Serra se veja em franca dificuldade, para debater o assunto da ‘hora’, no Plenário da Câmara, apesar de que nenhuma pessoa de bom senso vai transferir culpa àquele vereador que tem sido aliado do atual Prefeito; o parlamentar não pode ser obrigado a pagar ‘débito’ alheio.

Mas o certo é que a Câmara Municipal, nesta Legislatura, tem sua hora de destaque, para fazer valer o tamanho da missão que a Constituição Federal e as Leis lhe atribuem, na busca de focar sua atuação no rumo de uma Administração que respeite a imagem do Poder Executivo e também não se esqueça do respeito ao contribuinte – aquele, em benefício de quem o Gestor Público tem que mostrar serviço.

Pode parecer absurdo falar de mais dificuldades ‘pelo caminho’, mas seria ingenuidade demais achar que a atual Administração, sob a condução do comunista Deusimar Serra, já esgotou o estoque de 'maldades'.

O pior é que, em termos de Administração/Mandato, quando se paga o ‘ingresso’, o interessado fica obrigado a assistir todo o ‘filme’, mesmo com o empecilho de sua vontade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário